31061a

Presidente da Frente Parlamentar pela Cidadania LGBT na Assembleia Legislativa, o deputado Daniel Coelho condenou, nesta terça-feira, a aprovação da lei em Uganda, na África, que torna crime a homossexualidade, punindo os gays com pena que pode chegar à prisão perpétua. Segundo Daniel, é preciso que a Casa se posicione e demonstre indignação com a atitude, independente do fato ter acontecido em outro continente.

“É preciso que todos nós demonstremos repúdio com esse tipo de legislação, não podemos conviver com fatos como estes como se fosse algo normal”, destacou o parlamentar. De acordo com Daniel, “uma lei homofóbica como esta não pode ser aceita” e é preciso “que seja abolida pelas pessoas de bom senso”.

O posicionamento de Daniel Coelho foi cumprimentado pela deputada Laura Gomes (PSB), que também defendeu que a Assembleia se posicione de maneira contrária à legislação aprovada em Uganda. “Parabenizo ao deputado Daniel Coelho pelo seu discurso, é preciso que a sociedade demonstre indignação e a Casa repudie esse tipo de atitude”, afirmou.